Por que investir em uma assessoria jurídica preventiva?

  • por

De início, o principal motivo é o caixa da empresa. Um processo judicial custa caro. Tendo em vista que na justiça do trabalho é muito difícil uma empresa, mesmo que pequena, receba o benefício da gratuidade de justiça em detrimento do empregado. Só o fato de receber uma notificação judicial já é quase certo que você terá que desembolsar valores para custas processuais e honorários advocatícios. Observe que ainda nem falamos da discussão do mérito, da possível condenação imposta. Outra razão é a segurança jurídica nas ações da empresa. Em vários
casos, o empresário, por não conhecer a lei, toma decisões precipitadamente na hora de fechar contratos. Podemos citar alguns exemplos: obrigações que sua equipe não consegue cumprir no prazo, oneração em custos fixos muito
elevados, contrato de trabalho de forma desacertada. Um acompanhamento do profissional do Direito trará mais segurança jurídica nessas relações, consequentemente, nas finanças da empresa. Além disso, quando uma empresa é assistida constantemente por um advogado, os próprios funcionários da empresa se sentem mais assegurados
no que diz respeito à observância dos direitos trabalhistas garantidos pelo empregador. Logo, a possibilidade de um desses colaboradores ajuizar uma ação trabalhista diminui significativamente.
Ainda cabe mencionar, é de extrema importância o empresário ter conhecimento que uma ação tanto trabalhista, quanto civil, dependendo do direito a ser demandado pela outra parte, pode quebrar uma empresa, pois ela não terá recursos financeiros para aguentar as despesas de uma ação judicial seguida de condenação. Um singelo contrato de prestação de serviços pode gerar uma indenização que acarrete em todo esse transtorno. Portanto, ter uma empresa não se resume em formalizá-la, é necessário de que se tenha uma atenção que ela merece. Lembre-se, a não observância da legislação trabalhista, os contratos mal redigidos são apenas algumas das possibilidades que poderão ocorrer caso não tenha um acompanhamento jurídico. Possibilidades essas que podem destruir com todo um trabalho,
investimentos, projeto, sonho… sua empresa.
Não espere que o problema aconteça para depois procurar ajuda de um advogado. Com certeza, sairá muito mais barato e menos desgastante caso a empresa possua uma assessoria jurídica preventiva.

Grupo Alves Guimarães

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *